Feeds:
Posts
Comments

Archive for the ‘sofá verde’ Category

Falava sobre a idade, a influência desta nos comportamentos, sobre os homens e as mulheres. Sobre a ideia de beleza ao longo dos tempos e (não) presença da magreza.

Falava dos quilos que ganhou graças à Cadbury, dos que não consegue perder entre as 22h e a meia-noite. Sobre culpa e penitência.

Parecia efeminado, mas dizia-me fazer compras para casa, para a esposa, para os meninos.

Falava de viagens para Norte, da minha Londres e da Escócia.

Por entre perguntas cirúrgicas, avaliações de carácter e prescições.

Gala contemplando el Mediterraneo, que vista desde veinte metros se convierte en el retrato de Abraham Lincoln – Homenaje a Rothko- Lincoln en Galavision (Primera version)
Salvador Dali, 1974-1975; 4.45 x 3.5 m; Fundación Gala-Salvador Dalí, Figueras (First version)
Advertisements

Read Full Post »

o som do silêncio

Ontem custaram a sair-me as palavras, mentalmente chorava mas resistia a dizer o que se passava lá dentro e o silêncio ganhou, ocupou a maior parte do meu tempo. Limitei-me a constatar factos, a reconhecer, mais e mais uma vez a minha impotência, a minha incapacidade de agir. Apesar da decisão estar tomada, digo eu.

Read Full Post »

solidão

O que me assusta na solidão, o que me faz temer tanto a minha companhia, ao ponto de preferir evitá-la, adiá-la, partilhá-la com outro que não eu.

Read Full Post »

terapia (V)

Por agora procuram-se denominadores comuns, características que unem os que queremos bem, na amizade e no amor, na família e nos amigos, no emprego e em casa.
Com hora marcada para respostas, para as não adiar, para não esquecer.

Read Full Post »

terapia (IV)

Abro a alma, sai-me mais do que gostaria, mas por certo bem menos do que poderia. O presente mistura-se com o passado. O futuro não tem existência ainda.
Segue-se a busca do princípio, de como tudo começou, dos medos e das âncoras.

Read Full Post »