Feeds:
Posts
Comments

Archive for July, 2008

pensamentos recorrentes

Acordo com o desalento de quem não sabe o que quer da vida, ou de quem sabe que não quer a vida que tem.

Olho em volta e pergunto-me se tenho forças para mudar, para deixar esta vida e começar de novo, outra vida.

Advertisements

Read Full Post »

noites pequeninas

Procuro no silêncio da minha casa, no aconchego da solidão familiar, na inquietude da minha gata, o conforto, o afago da lágrima que cai, o esquecimento das horas longas, a incompreensão e a inflexibilidade das horas tardias, a falta de coragem, a insatisfação, o desamparo.

Procuro e encontro-me, a mim, sempre eu, só.

Read Full Post »

Pergunto-me o que vale realmente a pena acarinhar, guardar, recordar. Recordo emoções, percorro papéis, relembro locais, memórias.

Tudo para não ter que escolher pessoas, para não ter que questionar quais delas valem mesmo a pena.

Read Full Post »

projectos?

Por vezes perco-me em planos, faço-os e refaço-os na minha cabeça, imagino propostas e conversas, saídas, percursos, distribuo afazeres pelos dias. Depois, a experiência relembra-me planos furados, voltas trocadas, planos alternativos de última hora, boas e más negociações e, esqueço os planos. Esvazio-me. Esqueço. Não planeio. Não quero planear. Espero que aconteça.

Mas, depois, no momento, nada acontece e fica a frustração, o vazio, comparável a um plano furado?

Read Full Post »

dar sangue

Hoje, mais uma vez, um pouco do meu para quem dele precisar.

Bem haja quem tem a iniciativa de levar a brigada até ao estaminé.

Read Full Post »

addc

Em dia de avaliação de desempenho e de desenvolvimento de carreira só me apetecia dizer que queria fugir, que me apetecia bater a porta e partir para outros locais, outros colegas e outras chefias. Não são as funções que me desegradam.

Read Full Post »